sexta-feira, 2 de março de 2012

Eleitor conscientizado - Só assim podemos acreditar em mudanças!

Não tem jeito, queiramos ou não , o caminho para a reestruturação social  passa pela eleição. Sendo assim, o nosso empenho em politizar corretamente a população deve ser constante. Faça a sua parte! Trabalhe as dicas abaixo no trabalho, na escola, com os amigos ...
 
  1 - Conheça as necessidades do município
O município é sua casa, o lugar onde você espera viver em paz, com dignidade. Mas é uma casa cheia de problemas. Procurando conhecê-los você pode ajudar, resolve-los.
 
2 - Verifique as condições de vida do povo.
Elas têm piorado: favelas, violência, falta de moradia e saneamento básico, transporte ruim, falta de escolas, creches e hospitais. Seu voto pode ser o primeiro passo para começar a mudar essa situação.

3 - Pense que Prefeito é SERVIDOR e não "benfeitor".
Ao escolher auxiliares, ao construir escolas e obras públicas, ele não está fazendo nenhum favor, nem gastando dinheiro de seu bolso. Está aplicando impostos que você paga.
 
4 - Saiba o que um vereador deve fazer.
Ele faz as leis municipais, define prioridades, fiscaliza o Prefeito e seus secretários. Precisa ter capacidade para fazer boas leis e ter independência para fiscalizar o Executivo.
 
5 - Não veja a eleição como se fosse loteria.
Voto errado é prejuízo certo para todos. Só pode ser corrigido na eleição seguinte. Investigue os candidatos. Se é novato, veja o que já fez pelo município, que justifique a candidatura. Se pleiteia reeleição, veja se defendeu os interesses da comunidade ou os seus próprios interesses e os amigos.

6 - Fique atento às propostas e aos gastos da campanha.
Quem promete mundos e fundos, engana o eleitor. Só acredite em propostas viáveis e só confie em quem merece confiança. Quem esbanja na campanha, vai querer recuperar o que gastou ou vai ficar comprometido com quem o financiou.
 
7 - Acompanhe a atuação dos partidos.
Partido confiável é o que se alinha sempre com as causas do povo. Não merece votos o que trai os interesses da população.

8 - Reconheça a importância do seu voto, não o venda jamais!
Só pelo voto lúcido, o povo pode esperar dias melhores. Não desperdice nem venda o voto. Venda de voto é corrupção. Compromete quem compra e quem vende. Que moral você terá para condenar os corruptos, se você mesmo se deixa corromper?

9 - Considere que o município faz parte da realidade nacional
Um bom candidato não se ocupa só com probleminhas particulares e locais. Deve ter visão de conjunto e contribuir para corrigir as injustiças onde quer que possa influir. Não existe democracia onde largas camadas vivem a margem da dignidade humana e do progresso social.
 
10 - Fiscalize a atuação dos que foram eleitos

3 comentários:

Anônimo disse...

já pensei como vc ,mas hoje não acredito mais em nada referente a democracia no Brasil,infelizmente.

Márcio Alves Vasconcellos disse...

Pesquisando no Google sobre eleição e políticos corruptos, encontrei uma de suas postagens.
Eu ainda acredito, e faço questão de continuar trabalhando a favor da conscientização do povo.
Para mim não existe isso de que nada vai mudar, ou que o povo não é capaz de entender as coisas.
O povo já esta saturado de tanta safadeza e já percebeu que o ano de 2012 é o ano das mudanças.
Fico feliz em saber que não estou sozinho nesta luta.
Parabéns e força.

Márcio Alves Vasconcellos- Paraiba do Sul- RJ
http://euamowerneck.blogspot.com.br/

Eliane Araujo disse...

Márcio para mim é uma grande alegria saber que, mesmo com tanta "sujeira" para limpar, existem "braços" dispostos a trabalhar! Abraços e obrigada pela visita!

Postar um comentário

Respeite a opinião dos outros leitores. Comentários com "palavrões", que denigrem a imagem das pessoas, ou de cunho religioso não serão aceitos. Todos os comentários postados neste blog são de responsabilidade dos internautas e poderão ser postados em matérias. Ao fazer um comentário, você concorda e aceita as regras acima.